iPhone XS vs iPhone 8: vale a pena pagar mais?

Em Setembro, a Apple lançou três novos aparelhos para melhorar tudo que faltou na geração passada. Processador novo, câmera mais inteligente, mais bateria, não deixaram nada para trás.

Enquanto fica evidente que o aparelho mais novo é melhor, o preço chega a quase o triplo nos modelos mais completos, então será que compensa pegar o iPhone XS ou o iPhone 8 do ano passado ainda supre todas as necessidades de quem não consegue largar da maça?

Design

A Apple não costuma mexer em time que está ganhando e o design é um dos aspectos que eles menos mudam, mas o iPhone 8, e o seu irmão na versão plus, foram os últimos modelos lançados antes da implementação do notch, então a diferença fica um pouco maior que o normal.

O notch possibilitou jogar as bordas fora quase que por completo e aumentar bastante a tela sem deixar o aparelho enorme. A diferença é bem expressiva entre a tela de 5,8 polegadas do iPhone XS e 4,7 polegadas do iPhone 8, mesmo com o corpo deles sendo tão parecido em tamanho.

A entrada P2 já é lenda há muito tempo, mas agora finalmente um aparelho apple tem certificação IP68, que garante que o aparelho aguente mergulhar até um metro e meio por 30 minutos, mas eles ainda não cobrem dano por líquido na garantia, então o risco fica todo em cima do usuário, e claro, prefiro não arriscar.

Outras diferenças de design são a remoção do botão home e por consequência ausência de leitor de digitais, e como vocês já sabem, para compensar, os múltiplos sensores do Face ID fazem um mapeamento facial e tornam esse método de desbloqueio muito mais seguro. Particularmente, sinto falta da facilidade do leitor de digitais mas imagino que em breve isso volte para o iPhone, assim que terminarem de desenvolver a biometria por debaixo da tela. Enquanto não chega, vamos com o que temos.

Tela

Falando de tela, ela foi modificada para o iPhone XS e agora é fabricada pela Samsung com tecnologia AMOLED e resolução Full HD. O que me surpreendeu foi que as cores que não estão tão estouradas como de costume para esse tipo de fabricação, ficando levemente mais viva mas sem exageros, quase não dá pra notar diferenças nesse quesito entre os dois.

O brilho é maior, a tela parece menos amarelada e os pretos são realmente pretos. Basicamente o display do iPhone 8 é bonito até você ver o do XS.

Desempenho

Por dentro, a evolução do Bionic A11 para o A12 trouxe alguns pequenos saltos tecnológicos, focando em recursos de inteligência artificial e processamento gráfico. O teste do 3Dmark expõe com clareza a diferença entre os dois. A nova geração também está levemente mais rápida, prometendo uma melhora de até 15%.

Para demonstrar essa velocidade, fizemos uma série de abertura de apps pesados, e o resultado mostra que não estão tão longes assim. Principalmente quando falamos de aplicativos mais simples, você não vai perder basicamente em nada. Onde um pouco das diferenças começam a aparecer é na segunda rodada, onde os 2GB de RAM do iPhone 8 se distanciam dos 4GB do XS, inclusive, esses números de RAM podem parecer pouco se você está acostumado com Android, mas a otimização do iOS consegue segurar muito mais apps com menos memória.

A sacanagem aqui fica na capacidade de armazenamento, que aumentou na nova geração, mas o preço é salgado. Os dois começam em 64GB e você paga 150 dólares a mais pela versão de 256GB. Já a versão de 512GB custa 350 dólares a mais da versão mais barata do XS. Como o aparelho custa 1000 dólares, o acréscimo é de 35% sobre o valor original. Para uma comparação de outras marcas, o Note 9 de 512GB custa 250 dólares a mais.

O Chip Bionic A12 também reduziu de tamanho, aumentando a eficiência energética do iPhone XS, que junto do incremento de bateria, que passou de 1821 mAh para 2658 mAh, o torna até mais duradouro mesmo com uma tela bem maior.

Em uma hora de YouTube o iPhone 8 reduziu 11% da carga de bateria contra 7% do XS, que em todos os testes se sai melhor. Pegando dados lá de fora, o iPhone 8 Plus se sai melhor que o XS e XS Max, mas o pequenininho nunca foi o rei da bateria mesmo.

Em jogos deu pra notar uma diferença ainda maior e a falta de um carregador decente na caixa vai fazer com que você fique preso a uma tomada ou tenha que gastar uma grana para o fast charger. Felizmente, a presença do carregamento sem fio me ajuda a manter os dois modelos carregados durante o dia.

Câmera traseira e frontal

A câmera dos iPhones já é algo que sempre agrada os “Apple Lovers” e muita gente considera esse o principal fator de escolha da marca. As principais melhorias são melhor definição das fotos e os ótimos resultados do Smart HDR.

O processador A12 também acelera tudo e você nem sente o processamento da foto, é clicar e pronto. Os sensores da câmera principal são iguais entre os aparelhos, com 12 MP e abertura f/1.8. A principal diferença é o aumento da área útil do sensor e muito software.

No XS, tal como nos modelos “Plus”, temos uma lente auxiliar usada para zoom de 2 vezes e o modo retrato, que me impressionou bastante, já que a transição fica bem suave e o rosto fica muito bem destacado com as funções de luz aplicada.

Na frontal ocorre quase o mesmo, a resolução de 7 megapixels é mantida mas os avanços de software trazem mais definição e o Smart HDR permite boas fotos mesmo em situações piores de luz. Para Instagram e aquela selfie casual, o iPhone 8 já é bastante satisfatório, mas quem trabalha com fotografia ou hobbista e quer uma câmera semi-profissional, vale a pena dar uma olhada no XS – isso se o preço não te assustar.

Conclusão

Enquanto o iPhone XS vai custar uns 6 mil reais na versão mais básica e passa de 10 mil reais na mais cara, o iPhone 8 é facilmente encontrado por uns 3 mil reais senão menos dependendo do dólar.

Ao pagar o dobro você consegue uma tela maior e melhor, um pouco mais de bateria, poucos segundos em alguns aplicativos, e claro, uma câmera ligeiramente melhor e com mais funções. Vale a pena? Depende do seu tipo de uso, até porque o software se mantém atualizado, as câmeras já são muito boas mesmo no 8 e a tela só se mostra pior quando colocamos lado a lado.

Em um mundo perfeito onde tudo é de graça eu ficaria com o XS pelo seu tamanho, mas eu não só não gosto de pagar mais de 6 mil reais em um aparelho como não quero andar com ele na rua.

Se você precisa muito de uma câmera melhor e tem coragem de pagar o preço, vai de XS, mas se você quer um aparelho um pouco mais barato e que tenha a câmera dupla ou uma tela melhor, o X ou o 8 Plus são escolhas mais seguras. E finalmente, se você está feliz com uma câmera um pouco mais simples e quer ter um iPhone, o 8 ou até mesmo o 7 vão suprir muito bem as suas necessidades.

Diga o que você achou

Leave a reply