Galaxy Note 8 ainda vale a pena em 2018?

Em 2017 nós tivemos algumas tendências no mercado de smartphones. Uma delas não tão legal, foi o fato de modelos como o Galaxy Note 8 e iPhone X passarem do preço médio dos topos de linha anteriores e se aproximarem de 1000 dólares.

O lado bom de aguardar um pouco para comprar seu novo smartphone é que uma hora o preço cai e o Galaxy Note 8 não é exceção, beirando os 3 mil reais. Será que ainda vale a pena comprar ele em 2018 apesar da queda de preço?

Design

A linha Note não tem esse nome em vão, ela não só inaugurou os celulares com tela enorme como sempre acompanhou uma caneta e software dedicado para escrita.

Justamente por conta da caneta estar inserida no aparelho, ele era maior. Disse “era” pelo fato de que já foi bem mais aparente a diferença. Hoje ele tem uma tela de 6,3 polegadas contra 6,2 do Galaxy S8 Plus, esse já não é mais um fator de compra como era no passado.

Enquanto a linha S tem uma cara mais redondinha, o Note 8 é mais quadrado, apesar de manter as bordas curvas e a tela infinita. Minha mão é pequena, então o aparelho não é nada confortável e tende a escorregar porque sua traseira é totalmente em vidro, fator que permite carregamento sem fio.

Ainda em ergonomia, temos o botão da Bixby do lado esquerdo incomodando um pouco. Infelizmente do seu lançamento até hoje ainda não pode ser remapeado para responder a outro comando.

Um lado bom é que além da entrada P2, o equipamento tem certificação IP68, permitindo que você faça algumas brincadeiras dentro d’água.

Tela

Quase não tem o que falar da tela. Ocupando 83% da frente total do aparelho, resolução 2960 x 1440px e uma taxa de brilho altíssima e que promete entregar um poucos mais de brilho que o Galaxy S8.

Você não vai ter qualquer problema para enxergar a tela do celular quando estiver fora de casa, mesmo com um sol mais forte.

Ela sem dúvida ainda é a melhor do mercado, ao lado do Galaxy S9, com ótima fidelidade de cor para um painel amoled, e um contraste incrível.

A diferença é ainda maior com outros celulares quando colocamos lado a lado, mas é tão boa que só de olhar dá pra perceber a particularidade de suas qualidades. A última coisa que vai te desapontar nesse aparelho é a tela, então fique tranquilo que aqui você vai ter a melhor.

Desempenho

Com um Snapdragon 835 em alguns países e um processador Exynos 8895 aqui no Brasil, além de 6GB de RAM, o Note 8 não chega a ser o mais rápido, até porque o software da Samsung, aquele que eu costumo elogiar pela personalização, acaba sendo meio pesado, e você sente isso.

Com uma tela grande, precisão boa com sua stylus e até mesmo uma opção de já abrir os aplicativos em pares, o Note 8 é excelente quando o assunto é produtividade.

Isso porque o pacote office já vem instalado, a caneta já tem também seu software proprietário, é possível transformar o celular em um desktop com o DeX, e claro, usar bastante coisa em paralelo. Vale comentar que os 6GB de memória RAM na utilização do DeX fazem realmente diferença.

Câmera traseira e frontal

Nas câmeras, temos na verdade apenas um incremento quando comparamos com o Galaxy S8. E em resumo isso já é muito bom! O sensor principal de 12 megapixels com abertura f/1.7 é capaz de tirar fotos muito boas e ganhou um pouco menos de contraste e mais cor a linha S, deixando as fotos mais fiéis.

Lado a lado é difícil diferenciar, mas um diferencial significativo ao S8 é a presença da segunda lente com zoom de 2x, que também viabiliza o modo retrato com desfocado no fundo.

Ele não só funciona bem como tem aquela possibilidade de você regular posteriormente a intensidade do efeito, um diferencial bastante falado logo que o aparelho foi lançado.

Além disso, a única funcionalidade adicional no software é a exibição das funções em formato de texto e o modo de exibição inteira de tela, que pode ser bom para fotos para os Stories do Instagram, por exemplo.

Em vídeo, temos quase tudo o que o S8 já tem, mas o Galaxy Note 8 tem algo que nenhum outro celular tem a vantagem de possuir uma segunda câmera com estabilização ótica, ou seja, a estabilização se mantém mesmo quando você dá zoom. Tudo isso filmado em 4K a 30 quadros por segundo.

Na câmera frontal, o sensor de 8 megapixels com abertura f/1.7 me surpreendeu. Ela tem basicamente as mesmas especificações da câmera do S8, mas não tem apenas uma imagem com cores e contraste melhores, como possui um ângulo mais aberto.

Gostei bastante do fato da câmera gravar em 1440p, um pouco acima do Full HD. Assim é possível gravar para depois exportar um vídeo em 1080p com mais informação ou até mesmo dar zoom cortando a imagem. Apesar da linha S8 já ter isso, é interessante ver isso aqui também.

Bateria e som

Em questão de bateria, o Note 8 não impressiona não, fazendo apenas 7 horas de tela e 14 horas de uso médio com o seus 3300mAh de bateria, que definitivamente sofrem com as 6,3 polegadas de tela. A verdade é que dá até o final do dia se você não abusar muito.

A Samsung segurou a mão para não ter o mesmo problema que o Note 7 e com isso o equipamento perdeu um pouco de duração. O lado bom é que temos tanto o carregamento rápido, que leva o equipamento de 0 a 100% em 1 hora e 40 minutos, como o carregamento sem cabo, presente há alguns anos nos aparelhos da marca.

Os auto falantes estão posicionados apenas embaixo e são facilmente tampados, basicamente igual ao s8. O microfone capta bem para envio de arquivos e chamadas telefônicas, então nada de problemas por aqui.

Conclusão

O note 8 não é mais o melhor aparelho da Samsung, mas ficou sem dúvida entre os melhores de 2017. Como estamos em 2018, sabemos que não mudou muita coisa desde o ano passado e ele continua no pódio.

Ele pode não ser tão rápido como um OnePlus 5T ou 6 pela questão do software, mas não é nada que incomode e só dá para perceber lado a lado.

No restante ele só merece elogios, com uma boa construção, duas câmeras traseira estabilizadas, melhoria na frontal, expansão por cartão micro SD, entrada de fone de ouvido e a S Pen, que eu não poderia deixar de citar.

Claro que para ter tudo isso você vai pagar mais caro, só que agora já podemos encontrar por um valor bem mais acessível que vale a pena.

8.5 Total Score
Samsung Galaxy Note 8

A linha da Samsung que costuma entregar muito em produtividade, não decepciona e com a recente queda de preço pode se tornar ainda mais atrativo para quem procurar um celular parrudo.

User Rating: 5 (1 votes)
1 Comment
  1. Estou com a possibilidade de pegar um note 8 por 1300 reais ou um S9+ por 2000. Qual acha que vale mais a pena? Obrigado?

Leave a reply